Blog UPBE | Chocolate em uma dieta sem engordar. Mito ou verdade?
414
post-template-default,single,single-post,postid-414,single-format-standard,qode-listing-1.0.1,qode-social-login-1.0,qode-news-1.0,qode-quick-links-1.0,qode-restaurant-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-12.0.1,qode-theme-bridge,bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.2,vc_responsive

Chocolate em uma dieta sem engordar. Mito ou verdade?

Chocolate em uma dieta sem engordar. Mito ou verdade?

Esse post é para você que ama chocolate e tem aquele desejo de um dia receber a seguinte notícia: “Fique tranquilo. Pode comer à vontade”. Uma pena se tratar ainda de um sonho. Mas acredite: o chocolate, consumido com moderação, pode até ser incluso em uma dieta sem que você engorde.

De acordo com Luciana Rocha Ferranda, nutricionista da upbe, existem estudos que associam o consumo de chocolate à perda de peso. Em 2015, por exemplo, o Departamento de Ciência do Alimento e Biotecnologia da Universidade de Chung Hsing, em Taiwan, divulgou que são os ácidos fenólicos presentes no cacau os responsáveis pela ação emagrecedora. Eles interferem na produção da leptina, o hormônio da saciedade, e ainda queimam calorias. Sem contar a ajuda extra dos antioxidantes, que previnem o acúmulo de gordura nas células.

Outro dado apontado na pesquisa, publicada no Journal of Agriculture and Food Chemistry, uma das revistas americanas de maior prestígio no mundo da nutrição, atribui ao cacau o poder inibir um mecanismo que faz o organismo estocar ou produzir mais gordura. Toda essa riqueza está no chocolate amargo. Quanto mais amargo, melhor!

Benefício ao metabolismo?

Sua ingestão, segundo a especialista, ajuda a acelerar o metabolismo, o que consequentemente auxilia na perda de peso. Mas, (ah, sempre tem aquele mas…), como qualquer outro alimento, o chocolate deve ser consumido com moderação. “Recomenda-se a quantidade limite de seis gramas por dia (um quadradinho), e deve ser consumido cautelosamente, mastigando devagar para poder saborear o chocolate e evitar o consumo excessivo”, destaca.

“O ideal é consumir os chocolates que apresentem maior teor de cacau, nas versões amargo ou meio amargo. Lembre-se também que é um alimento altamente calórico e que seu consumo em excesso leva, sim, ao ganho de peso”, explica a nutricionista.

Ou seja, você teve uma boa notícia. Ainda não é aquela que gostaria. Mas não precisa descartar completamente o chocolate da sua dieta. Aprecie sem exageros. O mais importante é ter qualidade de vida e fazer o que realmente gosta. Seja feliz. Seja upbe!

Compartilhe
Sem comentários